Um Mundo de Contrastes

As diferenças entre "nós" e os pobres


Fosso entre ricos e pobres



E a MÁQUINA não para!

Enquanto isto, pagam-se milhões e biliões à Paris Hilton por uma mera futilidade (entrevistas, participação em filmes, video em que mostra as cuecas ou belisca o cú de mais um namorado, etc), os artistas do Hip Hop americano, que passam constantemente na TV, exibem orgulhosamente os seus medalhões de oiro e diamantes pendurados na orelha (as camadas jovens que os assistem deixam-se influenciar e de certo que um dia sonharão fazer o mesmo), milhões de Americanos (e não só) aplaudem euforicamente uma cambada de animais que lutam teatralmente numa arena (WWE), na Coreia pagam-se milhões a pessoas que se limitam a jogar computador, tornando-se por esse motivo autênticos heróis nacionais... Há ainda quem pense em ir fazer o mesmo que se faz na Terra, no resto do Universo, como é o caso da Virgin que pretende conquistar o turismo espacial e montar um hotel na Lua!
"É aproveitar enquanto se pode/enquanto cá andamos".

Em contrapartida, existem pessoas como Muhammad Yunus, um senhor que recebeu o nobel da paz em 2006 por, num belo dia, ter dado cerca de 20€ a uma familia indiana. Pouco tempo depois verificou que essa familia conseguiu uma significativa melhoria da sua condição de vida. Com isto, foi criado o Grameen Bank que ajuda hoje milhares de indianos a sair da pobreza, ou pelo menos melhorar a sua condiçao de vida.
Ele conseguiu fazer muito mais, com muito menos! E no entanto, de certo que não tem o grupo de fãs que um qualquer lutador do WWE ou cantor de Hip Hop Americano terá.


Muhammad Yunus (Authors@Google)


Para terminar, deixo aqui um artigo publicado no mês de Março na revista Courrier Internacional, com o título "Uma Sociedade Ameaçada Pelo Comportamento Único".