Lixo Electrónico


Existe reciclagem de componentes electrónicos? Sim, embora ainda esteja numa fase inicial.
Desde CD's, monitores, telecomandos, TV's, etc pode ser tudo reutilizado.

Encontra-se disponível desde 18 de Dezembro de 2007, no parque de estacionamento do Centro Comercial Colombo, um Ponto Electrão, onde gratuitamente qualquer cidadão poderá colocar o seu velho equipamento eléctrico e electrónico, desde que não tenha mais de 55 cm (exclui-se lâmpadas, micro-ondas, etc).
Disponível numa primeira fase apenas no Centro Colombo, NorteShopping (desde 28 de Dezembro),CascaiShopping, GaiaShopping e Vasco da Gama, pretende-se, no futuro, expandir esta iniciativa a outros centros comerciais, facilitando a adesão do Consumidor final à rede de recolha, tratamento, reciclagem e valorização dos resíduos de equipamentos eléctricos e electrónicos (REEE).
in amb3e.pt

Apesar de estes Ponto Electrões estarem limitados aos 55cm, é possível também a entrega de material com maiores dimensões (por exemplo, TV's, frigoríficos, fogões, etc). No entanto, neste caso, não existindo local apropriado para o fazer, é necessário chamar quem esteja apto e encarregue de o fazer.

De acordo com a Legislação em vigor e desde 13 de Agosto de 2005, os Distribuidores (Grossistas ou Retalhistas) são responsáveis por assegurar gratuitamente a recolha de REEE, sem encargos para o detentor.

Assim, no acto da compra de um Equipamento Eléctrico e Electrónico novo, e que desempenhe as mesmas funções que o REEE (resíduo) que detém, pode entregar este último o qual, aliás, deve ser recebido gratuitamente.

Se, em consequência das dimensões ou peso do REEE que detém, não o puder transportar, pode solicitar à Entidade que procede à venda do Equipamento novo, que recolha no seu domícilio o REEE, o que deverá também ser feito gratuitamente.

in amb3e.pt

Além dos Ponto Electrões existem vários Centros de Recepção espalhados pelo país encarregues da recolha de REEE, os quais se podem consultar aqui.


Para mais informações, AMB3E.PT.